Resenha: O Ladrão de Raios | Rick Riordan

Capa do livro

Título: O Ladrão de Raios.
Autor: Rick Riordan.
Editora: Intrínseca.
Tradução: Ricardo Gouveia.
Lançamento: 2008.
Sinopse: O Ladrão de Raios - Primeiro volume da saga Percy Jackson e os olimpianos, O ladrão de raios esteve entre os primeiros lugares na lista das séries mais vendidas do The New York Times. O autor conjuga lendas da mitologia grega com aventuras no século XXI. Nelas, os deuses do Olimpo continuam vivos, ainda se apaixonam por mortais e geram filhos metade deuses, metade humanos, como os heróis da Grécia antiga. Marcados pelo destino, eles dificilmente passam da adolescência. Poucos conseguem descobrir sua identidade.
O garoto-problema Percy Jackson é um deles. Tem experiências estranhas em que deuses e monstros mitológicos parecem saltar das páginas dos livros direto para a sua vida. Pior que isso: algumas dessas criaturas estão bastante irritadas. Um artefato precioso foi roubado do Monte Olimpo e Percy é o principal suspeito. Para restaurar a paz, ele e seus amigos - jovens heróis modernos - terão de fazer mais do que capturar o verdadeiro ladrão: precisam elucidar uma traição mais ameaçadora que a fúria dos deuses.


Vamos a 1ª resenha do Blog!

Hoje na escola fiquei muito pensativo sobre qual livro eu resenhava,mas com muita dúvida escolhi o livro: O Ladrão de Raios da coleção Percy Jackson e os Olimpianos de Rick Riordan.


O livro é baseado na mitologia grega na qual Percy Jackson um garoto de 12 anos a narra. Percy mora com a mãe(que gosta de fazer comida azul para Percy não se sabe o por quê, pelo menos ele) e seu padrasto Gabe Cheiroso, apelido dado por Percy,seu nome verdadeiro é Gabriel, que o odeia tanto quanto Percy. Ele vive normalmente a sua vidinha medíocre até que um dia ele vai em uma excursão para um museu com a escola e sua professora se transforma em fúria e o ataca e mandando lhe entregar o raio,Percy não sabia no que a sua ''professora'' estava falando, então Grover e o Sr. Brunner aparece e o defende da sua professora. 

Percy descobre que na realidade é um semideus filho de Poseidon o Deus dos Mares e também descobre que seu melhor amigo Grover Underwood que anda com muletas na realidade é um sátiro. E que sua vida corre perigo, precisando ir para o Acampamento Meio Sangue o único lugar seguro para semideuses.Na entrada do acampamento sua mãe é raptada por um minotauro e levada ao submundo. E no meio desta grande confusão Percy fica amigo de Annabeth uma semideusa filha de Atena. Além de tudo Percy vai ter que achar junto de Annabeth e Grover o raio de Zeus que o culpam de ter roubado.

Gostei bastante deste livro, ele retrata os mitos gregos na nossa realidade atual, além de ser muito bem recebido pelo público infanto-juvenil. Nós podemos nos identificar com os personagens, pois eles passam pelos mesmos problemas típicos de adolescentes que nós passamos. O autor mostrou muito bem o ponto de vista de Percy, já que a narração é em primeira pessoa, até a mentalidade de adolescente foi bem mostrada. 


Você também poderá gostar

2 comentários: